Usar os coletes ortopédicos durante a noite, resolve?

De acordo com o SOSORT International Conference on Scoliosis 2015 (Consenso anual sobre as maiores evidências científicas no tratamento da Escoliose), diz que:

Curvaturas escolióticas de 25 a 45 graus de Cobb: O uso dos coletes ortopédicos durante é indicado durante a fase de crescimento de crianças e adolescentes, para prevenir a progressão da curvatura, enquanto o crescimento da coluna vertebral. Em conjunto com o colete ortopédico é indicado o Tratamento Científico da Escoliose pelo Método SEAS ou Método Schroth é de fundamental importância para a preparação e para orientações para o uso do colete ortopédico.

Basicamente os ortopedistas e os ortesistas no Brasil indicam dois tipos de coletes ortopédicos no tratamento da escoliose idiopática do adolescente, são eles Colete Milwaukee e o Colete Boston. E são indicados em média 23 horas por dia, se utilizar os coletes ortopédicos somente durante a noite, realmente resolvem?

Existem dois coletes ortopédicos que seu uso é noturno, são eles:

Colete de Charleston

captura-de-tela-2016-09-24-as-19-22-52

Frederick Reed, MD, e Ralph Hooper,  Charleston, Carolina do Sul (1979).

Foi desenvolvida para um paciente que se recusou a usar o colete pelo dia tempo todo, por Frederick Reed e Ralph Hooper,  em Charleston na Carolina do Sul, em 1979.

No estudo de Lee et al (2012), em seus resultados mostrou-se ser eficaz em estabilizar ou melhorar a progressão de escoliose em 84%, e 16% dos casos de escoliose progrediram.

Colete Providence

captura-de-tela-2016-09-24-as-19-22-05

Desenvolvido por Charles d’Amato e Barry McCoy no Hospital Infantil de Rhode Island, em 1992.

O Colete Providence ultrapassou do Colete de Charleston na frequência de utilização como um sistema de órtese noturna, por se tratar de um colete menos agressivo.

No trabalho de Janicki et al (2007), a taxa de progressão com este colete foi elevada, em 60% dos pacientes que necessitam de cirurgia.

Com base nas informações dos estudos acima, os coletes ortopédicos o uso do colete noturno só deve ser indicada se for de utilizado o Colete Charleston, mesmo sendo mais agressivo. O uso do Colete de Providence apresenta alto índice de fracasso em seu tratamento e consequentemente, maior chances deste paciente ser submetido ao  tratamento cirúrgico (60% de chances) que muitas vezes não é a melhor saída (ver artigo sobre cirurgia), desta maneira como especialista no tratamento da escoliose, sugiro um colete mais moderno, ativo e que faça correções de forma tri-dimensional (ver artigo).

Além disso, é imprescindível um Tratamento Científico da Escoliose que tem mostrado evidências científicas na melhora da curvatura. Como neste estudo realizado em 2008, concebido para confirmar se o indicação para o tratamento com exercícios específicos para Escoliose Idiopática do Adolescente se alterou nos últimos anos, descobriram que, com apenas uma única exceção, todos os estudos confirmaram a eficácia dos exercícios na redução da taxa de progressão (principalmente na puberdade precoce) e/ou a melhorar a curvatura da escoliose pelo Cobb ângulo.

Leve em consideração a importância de receber um tratamento individual específico com base nas mais fortes evidências científicas, evitando o uso dos coletes ortopédicos e de possíveis cirurgias.

Agora que você entende a importância de não só fazer exercícios, mas também trabalhar de forma científica e específica com técnicas internacionais  para alcançar os seus resultados, não perca tempo.

Dúvidas? Fale comigo! Vou esclarecer tudo para você.

Comente!